» » » » » Motivação Pessoal

Por: Vanderlei Moraes

Motivação = Motivo para ação

Como premissa ao assunto temos que entender a diferença entre motivação e estímulos.
A motivação é algo intrínseco, vem de dentro, não é o ambiente, a organização ou as pessoas que vãos nos motivar. Nós mesmos nos motivamos através de estímulos.
Estímulo é algo extrínsico, não é uma essência. A empresa não pode "motivar" o colaborador, mas pode estímula-lo de diversas maneiras, seja com benefícios saláriais, folgas, premiações, auxílios e etc., a se motivarem.


(...)Atualmente as organizações vem mudando radicalmente seu modo de pensar a respeito da estratégia "motivação de pessoal". Mas ainda há certo desentendimento à respeito do assunto.

A visão da empresa tem que ser de processo, não de hierarquia. Neste processo faz-se necessário compartilhar o poder porque, contraditoriamente, se dividido, o poder se multiplica. Consequêntemente, faz-se necessário aprender coletivamente, focar desempenho nas equipes, adquirir e compartilhar informações, tanto as operacionais, quanto as táticas.
Motivação não é um produto acabado, mas sim um processo ao qual se configura a cada momento, no fluxo permanente da vida.


Temos que compreender as diferenças. Uma situação corriqueiera é a de em uma organização, os colaboradores do chão de fábrica estarem desmotivados, enquanto o alto escalão enxerga a organização como sendo perfeita e muito motivadora. Temos que enxergar a diferença, muitas vezes esse "peão deixa de fazer algo importante como acompanhar seu filho ao médico por medo de chegar tarde, e futuramente ser descontado de seu salário este atraso. Para ele faltar existe muita burocracia. Agora em contrapartida, um colaborador do alto escalão, se precisar sair, seja para ir ao médico, ginástica ou sabe-se lá para fazer o que, este muitas vezes só comunica. Estou indo. Agora, quem se sente motivado nesta História? O que a organização tem que entender são as diferenças e as situações. O que motiva um executivo não é o mesmo que motiva um peão, tem que se buscar conhecer seu pessoal para descobrir suas necessidades.

Motivar é simples, primeiramente se faz necessário conhecer as necessidades do grupo ou individuo ao qual se quer fazer motivado, e, à partir disto começar a criar estímulos para que este se motive e se interesse por aquilo que ele desenvolve. Afinal alocamos muito mais tempo em fazer aquilo que nos motiva. Pense bem, é fácil arrumar um tempinho na agenda para o FUTEBOL? ou para uma PESCARIA?

É isso, temos que ensinar nossos colaboradores a gostarem do que fazem, entendendo suas necessidades e os estímular suprindo tais necessidades, ou simplismente ajudando.

Vanderlei Moraes: Administrador de Pessoal, Especializando em Gestão de Pessoas e Administrador Financeiro.




Para Download deste e dos outros artigos aqui postados basta entrar em nosso grupo, clicando na caixa abaixo.

Clique aqui para cadastrar-se portalgestaopessoas

Postador Vanderlei Moraes

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

2 comentários:

  1. Grande Adm. Vanderlei, muito competente e antenado com o mundo, um jovem de visão! Sucesso e parabéns pelo blog..

    ResponderExcluir
  2. Fala Sr. Alex, obrigado pelo comentário cara, e cade o seu?! Estou esperando para ver suas idéias referentes a fianças heim.
    Grande abraço e volte sempre.

    ResponderExcluir